Os Jovens e a Segurança Rodoviária

2011.06.16-seguranaA Escola Profissional de Tondela organizou, no passado dia 16 de Junho, mais uma Conferência, desta feita sob o tema: “Os Jovens e a Segurança Rodoviária”, um assunto muito importante na vida dos jovens e da população em geral. É que segundo os números apontados pela Direcção Geral de Viação, a sinistralidade rodoviária continua a ser uma situação problemática com repercussões graves ao nível da saúde pública.

Estiveram presentes o Dr. Bruno Silva, da Prevenção Rodoviária Portuguesa e o Sargento-Chefe Salomão Sobral, do Destacamento de Trânsito da GNR de Viseu, que apresentaram os seus pontos de vista, não só em relação à segurança, como também à prevenção rodoviária.

O Dr. Bruno Silva apresentou algumas conclusões curiosas: entre os 15 e os 29 anos, a sinistralidade é a segunda causa de morte. É pois provável que isto aconteça porque os jovens, que são quem conduz mais depressa, têm falta de experiência e apresentam alguma imaturidade, tendo sempre a tendência para testar os seus próprios limites.

Por outro lado, a sinistralidade é maior nas noites de sexta para sábado e de sábado para domingo. O representante da Prevenção Rodoviária Portuguesa apresentou ainda um projecto que visa contribuir para a redução da sinistralidade na faixa etária dos 18 aos 24 anos.

Já Sargento-Chefe Salomão Sobral lembrou que o álcool diminui a capacidade de atenção e a perda da percepção, da velocidade e da distância, assim como a diminuição do campo periférico, para além das alterações da personalidade. Alertou ainda para os perigos do excesso de velocidade e das manobras perigosas, apelando sobretudo para uma condução defensiva como forma de evitar os acidentes.

Esperamos que esta Conferência tenha ajudado os presentes, pelo menos, a reflectir acerca dos comportamos de todos na estrada.

Share

Saber mais sobre

<< Jun 2019 >>
STQQSSD
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30